Posts com Tag ‘Internet’

O vídeo da Atomic Tom já foi visto por mais de 2 milhões de pessoas desde que foi publicado na web na semana passada.


Uma banda de rock de Nova York criou um vídeo no YouTube em que interpreta uma música por meio de aplicativos do iPhone que imitam instrumentos musicais. O vídeo da Atomic Tom já foi visto por mais de 2 milhões de pessoas desde que foi publicado na web na semana passada.

No vídeo, os quatro integrantes da banda interpretam a música “Take Me Out” em um metrô de Nova York. O cantor Luke White usou o iPhone como microfone, o guitarrista Eric Espiritu e o baixista Philip Galitzine dedilharam o aparelho da Apple como se ele fosse um instrumento minúsculo, e o baterista Tobias Smith “batucou” em um aplicativo para reproduzir os sons.

Confira video:

Anúncios

A pergunta que não quer calar: E a propósito, alguém pode me dizer o que significa ‘Cala Boca Galvao’, e por que eu deveria me importar com isso?
(comentário de internauta)
(mais…)

A TAP Portugal e a ANA desejaram Boas Festas aos passageiros no Aeroporto de Lisboa de uma forma original:

Do alto-falante, uma voz anuncia o “voo 0000 com destino à terra de Papai Noel. Neste voo é proibido criança e adultos tristes…”. Em seguida, uma atendente sobe no balcão e começa a cantar e dançar. (mais…)

Pedra Letícia a banda goiana “mundialmente desconhecida” foi destaque no “programa do Jô” desta segunda-feira, 23 de novembro.

O trio composto por Fabiano Cambota (voz e violão), Thiago Sestini (percussão) e Fabianinho (voz e baixo) começou nos bares de Goiás, em 2005. (mais…)

A 16ª edição do Prêmio Multishow, realizada nesta terça-feira (18), no Citibank Hall, no Rio de Janeiro, entregou o principal prêmio da noite, Melhor Grupo, para os gaúchos da banda Fresno. (mais…)

Em 2008, Dave Carroll viu sua guitarra ser tratada como lixo pela companhia aérea em que viajava.

Confiram aqui sua “reclamação musical”:
(mais…)

Hora do Planeta 2009.

A Hora do Planeta 2009 é um ato simbólico no qual todos são convidados a demonstrar sua preocupação com o aquecimento global e as mudanças climáticas.

Para participar Acesse: www.horadoplaneta.org.br

O WWF-Brasil e a agência de publicidade DM9DDB prepararam uma campanha publicitária para mobilizar a população pela Hora do Planeta. O vídeo de 30 segundos, contou com a locução do ator Marcos Palmeira.

Videos

Últimas notícias:

Hora do Planeta 2009 atinge novo recorde de adesão mundial

Países que participam da Hora do Planeta já são mais do dobro dos que aderiram em 2008.

Faltam oito semanas para a realização da Hora do Planeta 2009 e o evento já conta com a adesão de cidadãos, empresas e autoridades de 375 cidades em 74 países, que se comprometeram a desligar as luzes e mantê-las apagadas durante sessenta minutos, a partir das 20h30min, em 28 de março, em um ato simbólico de combate ao aquecimento global.

A lista de cidades que confirmaram sua participação na Hora do Planeta 2009 inclui 37 capitais federais e algumas grandes cidades do mundo, como Londres, Beijing, Roma, Moscou, Los Angeles, Rio de Janeiro, Hong Kong, Dubai, Cingapura, Atenas, Buenos Aires, Toronto, Sydney, Cidade do México, Istambul, Copenhague, Manila, Las Vegas, Bruxelas, Cidade do Cabo e Helsinki.

O evento promovido pela Rede WWF mantém um crescimento constante desde seu início, que foi um ato de conscientização realizado em Sydney, na Austrália, em 2007, até o fantástico resultado do ano passado, totalizando 371 cidades em 35 países. O Brasil estréia sua participação este ano, o que foi oficializado em 28 de janeiro, durante evento de lançamento da Hora do Planeta no Brasil, com o anúncio da adesão oficial da cidade do Rio de Janeiro.

O Secretário-Geral da Rede WWF, James Leape, se mostra otimista quanto ao potencial dessa campanha para levar a uma tomada de decisão sobre a questão das mudanças climáticas. “Nos próximos meses, espera-se a adesão de centenas de outras cidades a esse ato simbólico. A Hora do Planeta 2009 estabelece a plataforma para um mandato global sem precedentes para que se adotem ações de combate às mudanças climáticas”, declarou.

Além do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, a Hora do Planeta 2009 verá as luzes se apagarem em alguns dos mais conhecidos ícones do mundo, como a Opera House em Sydney (Austrália), a Torre CN em Toronto (Canadá), o Estádio do Milênio em Cardiff (Inglaterra, e o edifício mais alto do mundo, o Taipei 101 (Taiwan).

O apoio mundial a essa campanha foi garantido por um continente de eminentes embaixadores, com destaque para o arcebispo sul-africano Desmond Tutu, Prêmio Nobel da Paz, e a atriz de cinema, vencedora do Oscar, Cate Blanchett. No Brasil, os atores Camila Pitanga e Victor Fasano e a apresentadora de TV, Cynthia Howllet aderiram ao movimento. E o ator Marcos Palmeira gravou gentilmente a locução do filme promocional, criado pela agência DM9DDB.

O diretor executivo da Hora do Planeta, Andy Ridley, disse que a campanha de 2009 é uma oportunidade para que as pessoas de todo o mundo votem nessa importante questão global.“Por sua própria natureza, a Hora do Planeta constitui a essência da ação de organização de base. É uma oportunidade para que indivíduos de todos os cantos do mundo se unam em uma única voz e façam um apelo para que se aja contra as mudanças climáticas”, disse Ridley.

O ano de 2009 é decisivo para uma ação de combate às mudanças climáticas, pois as lideranças mundiais têm encontro marcado na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas que se realiza em Copenhague (Dinamarca), em dezembro, para a assinatura de um novo acordo, em substituição ao Protocolo de Quioto.

Shepard Fairey cria peça para a Hora do Planeta
Shepard Fairey, design gráfico que ficou famoso por retratar Obama durante a última campanha presidencial nos EUA, aderiu a Hora do Planeta. Na obra de arte que criou para o movimento, Shepard Fairey comparou o ato de desligar o interruptor a dar um voto pelo combate às mudanças climáticas.
A Hora do Planeta, conhecida globalmente como Earth Hour, é uma iniciativa global da Rede WWF sobre mudanças climáticas. No sábado, dia 28 de março de 2009, às 20h30, pessoas, empresas, comunidades e governo são convidados a apagar suas luzes pelo período de uma hora para mostrar seu apoio ao combate ao aquecimento global.
Clique aqui para fazer o download do poster.

Prefeitura apaga as luzes de ícones cariocas
Para marcar a adesão do Rio de Janeiro à Hora do Planeta, em 28 de março, o prefeito da cidade, Eduardo Paes, anunciou que desligará as luzes de monumentos cariocas como o Cristo Redentor, o Pão de Açúcar, o Parque do Flamengo e a orla de Copacabana, que terá a segurança reforçada pelas autoridades competentes. O Jockey Club também confirmou sua participação.

Além do Rio de Janeiro, outras grandes cidades mundiais, como Atenas, Buenos Aires e Edimburgo participam do movimento. Até o momento, mais de 170 cidades de 62 países já confirmaram sua adesão à Hora do Planeta.

O WWF-Brasil espera contar com a adesão de empresas, entidades, ONGs, associações de bairro e demais movimentos da sociedade civil. Os cidadãos serão convidados a se cadastrar no site www.horadoplaneta.org.br.

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Mais

Monumentos símbolos de Portugal às escuras pela Hora do Planeta

Diversos monumentos, locais públicos e edifícios administrativos de Portugal ficarão às escuras para marcar a Hora do Planeta, no dia 28 de março, desde a Câmara Municipal de Lisboa, ao Edifício dos Paços do Conselho.

Alguns dos monumentos emblemáticos da cidade -Torre de Belém, Padrão dos Descobrimentos, Mosteiro dos Jerónimos – vão perder o seu “brilho” noturno e vão ficar às escuras.

A área de Belém foi eleita para concentrar todos aqueles que querem ver e participar da iniciativa Hora do Planeta 2009. Por lá, a população é chamada a observar o apagão dos monumentos e a acender uma vela pela Hora do Planeta – um gesto simbólico que pretende chamar a atenção dos líderes mundiais para políticas de combate ao aquecimento global.

Fonte: Planeta em Ação

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Passado e presente na Guatemala

A cidade da Guatemala, capital do país de mesmo nome, aderiu ao esforço global contra as mudanças climáticas representado pela Hora do Planeta. Com seus sete milhões de habitantes, a cidade de Guatemala ilumina o caminho da Hora do Planeta na América Central.

O principal monumento religioso, a Catedral Metropolitana será o centro dos acontecimentos durante a hora do planeta na cidade. Governos locais e nacional estão apoiando o evento, pqra chamar a atenção do globo sobre a questão das mudanças climáticas.

No centro da cidade de Guatemala, localizam-se as ruínas remanescentes da antiga cidade maia de Kalminaljuyu. Ali, o moderno e o antigo coexistem, no vibrante centro comercial da cidade que surgiu entre ruínas milenares. A Hora do Planeta, na Guatemala, representará a união do passado e do presente, com o apagar das luzes das torres comerciais e do Parque Central Cerimonial.

Fonte: Planeta em Ação

Hora do Planeta 2009.